Como um Navio é Fabricado? Como se Constrói um Navio

Montagem de Navios

O navio é construídos peça por peça

A primeira coisa a se ter em mente quando se pensa em contrução de navios é que ele representa um produto final constituído por várias peças menores, conhecidas como chapas e perfis, ou navipeças. Em empresas de caldeiraria, muitas vezes já constituídas no estaleiro, as navipeças são produzidas nos formatos definidos no projeto de contrução do navio. Os perfis, normalemente, também, são contituídos de aço e são soldados junto às chapas, que percorrem as dimensões destas, oferecendo-lhes maior resistência.

As peças do navio são soldadas formando os blocos navais

Cada chapa e perfil, depois de soldados um a um, são encaixados lado a lado, formando grandes blocos navais, que chegam a pesar algo em torno de 50 a 300 toneladas e poder ser de diversos tipos. Se um bloco naval for usado, por exemplo, para construir o compartimento de carga do naxio, este será vazio por dentro e não apresentará grandes necessidades de um design rebuscados, já no caso de um quarto de luxo, o bloco naval responsável por este ambiente apresetará um design mais sofisticado e condições para se adequar os móveis do projeto do navio. Os blocos navais, quando necessário, apresentaram espaço, de acordo com o projeto, para a passagem dos fios e tubulações.

A montagem do navio com os blocos navais

Já finalizados os blocos navais, é chegada a hora da montagem do navio no estaleiro. Cada bloco é levantado e alinhado, conforme o projeto, por guindastes especialmente desenvolvidos para esta função. Após a montagem dos blocos navais do navio, já no estaleiro, os pontos de solda são, geralmente, lixados com máquinas especializadas e a estrutura naval é jateada com granalhas, que são pequenas bolinhas de aço que removem as rugosidades da superfície. Finalmente o navio é pintado com a tinta anticorroção.

A ordem de montagem dos blocos navais

A ordem de montagem dos blocos navais depende da funcionalidade de cada uma delas. No caso da casa de máquinas, os blocos navais comumente ficam na parte de trás do navio, possibilitando um menor eixo para ligar a hélice ao motos, o que evitaria vibrações indesejadas na parte dianteira do navio. Entretanto, novas leis ambientais estão revendo este conceito, por afirmarem que o motor do navio, como é projetado atualmente, por perturbar a vida marinha.

Acima da casa de máquinas, costuma ficar a casaria, onde se encontram as cabinas e salas de controle. Essa localização da casaria é estratégica, pois as cargas são, geralmente, retiradas por cima, assim, na posição logo acima das casas de máquinas a casaria não atrapalharia os guindasteas de acessarem os porões de carga.

Como é a parte elétrica dos navios?

A parte elétrica dos navios, usualmente, fucionam por meio de geradores movidos a diesel. As instalações elétricas são responsável pela navegação, bombas, aquecimento e, no caso de embarcações multifuncionais, como os transatlânticos, inclusive, elevadores e piscinas se encontram disponíveis no navio.

Qual é o combustível do navio?

Os motores principais do navio funcionam como um tipo de óleo combustívei especial chamado bunker, um derivado do petróleo. Já as embarcações menores utilizam diesel mesmo

Como é o tratado o esgoto do banheiro do navio?

Existem navios de até 300 metros de comprimento, como o Panamax. Com certeza, o lixo e esgoto que um navio destas dimensões produz é enorme. O lixo que não são dejetos humanos são guardados para serem jogados num aterro sanitário em terra firme. Já os lixos orgânicos humanos são temporariamente armazenados em tanques especiais, para depois serem jogados ao mar de acordo com as normas de órgãos internacionais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *